Entre 15 de agosto e 4 de outubro de 2012, A CASA museu do objeto brasileiro exibiu a exposição Joia Contemporânea Brasileira: PERCURSO, que apresentou o trabalho de 24 artistas selecionados pela curadora Miriam Mirna Korolkovas.

Foi a segunda vez que o museu A CASA recebeu uma exposição sobre a joia contemporânea brasileira. Como da primeira vez, poderão ser conferidos trabalhos de artistas, designers, cooperativas de artesãos e comunidades indígenas, que utilizam matérias-primas que vão muito além dos metais nobres tradicionais, mas não deixam de ser preciosos, como o ferro, a madeira e a fibra de buriti. Este é o luxo da joia contemporânea.

Korolkovas preocupou-se em convidar artistas de todo o território brasileiro. Dentre os convidados estavam Amelia Toledo, de São Paulo, Kika Alvarenga e Nina Lima, de Minas Gerais, Paula Mourão e Rudolf Ruthner, do Rio de Janeiro, Karin Jakobsson, de Brasília, Alice Floriano e Mariana Neumann, do Rio Grande do Sul, Carla de Carvalho, da Bahia, e Daniel Coxini Karajá, de Mato Grosso. Os 24 artistas convidados mostraram peças dos anos de 1940 até hoje. Amelia Toledo exibiu parte de sua produção e de sua coleção de joias.

A abertura da mostra contou com uma performance corporal na qual seis bailarinos interagiram com o cenário da exposição, acompanhados por músicas do percussionista Caito Marcondes. Já no dia 18 de agosto uma mesa redonda mediada pela curadora Miriam Mirna Korolkovas reuniu Amelia Toledo, Francisca Kweitel, Michael Striemer e Rudolf Ruthner.